A Fanta está profundamente comprometida com as necessidades dos seus consumidores, e porque sabemos que à medida que o tempo passa os desejos do público também se alteram, estamos sempre a trabalhar para oferecer aquilo que o público mais deseja nas suas bebidas.

A aposta na redução de açúcar nas variedades de Fanta segue a tendência do mercado e da cada vez maior procura por produtos de baixas calorias, não deixando de lado a linha que a define: manter o sabor original a que o consumidor já se habituou.

Para reafirmar o seu compromisso com o consumidor e com as bebidas baixas em calorias ou sem açúcar, este verão é lançada a campanha Batalha de Sabores da Fanta, que pretende eleger o novo sabor que vai passar a fazer parte do portefólio da marca em Portugal. As variedades Morango & Kiwi, Frutos do Bosque e Pêssego & Damasco são os novos sabores criados a pensar no consumidor, sem adição de açúcares, apenas com os açúcares naturalmente presentes nos sumos de frutas. Já escolheste um favorito à vitória?

Além das versões sem adição de açúcares, a Fanta Laranja vai reduzir a quantidade de açúcar em 42%, mas prometendo  manter sempre toda a sua originalidade. Uma renovada Fanta Laranja vai estar no mercado ao alcance de todos já a partir deste mês de junho, fruto de uma redução gradual de açúcar que tem vindo a ocorrer desde 2014.

Fanta: o poder de reduzir açúcar e manter o sabor original
A campanha Batalha de Sabores da Fanta apresenta três novos sabores, sem adição de açúcares, apenas com os açúcares naturalmente presentes nos sumos de frutas.

Com esta diminuição, todas as variedades de Fanta comercializadas em Portugal passam a ser baixas em calorias, tendo uma quantidade de açúcar inferior a 5 gramas/100 mililitros. Fanta Uva, Fanta Ananás e Fanta Maracujá não têm açucares adicionados e encaixam também nesta categoria.

A Fanta Zero, opção sem adição de açúcar da Fanta, cresceu 72% durante o ano de 2018, alcançando 60 milhões de litros, o que representa 14% do volume total da marca Fanta e a vontade dos nossos consumidores em ingerir menores quantidades de açúcar no momento de escolherem as suas bebidas.

A Coca-Cola tem trabalhado ao longo das últimas décadas na reestruturação da sua oferta de bebidas e, nos últimos 18 anos, a Coca-Cola em Portugal conseguiu reduzir em 33% o conteúdo de açúcares por litro do total de vendas de bebidas da companhia. Esta redução faz parte do compromisso da marca com o consumidor, através da aposta no setor da inovação para reformular produtos, reduzir ou eliminar o conteúdo de açúcar das bebidas e investir em novas opções de bebidas com menor teor de açúcar adicionado.

Assim, desde 2014, já se reduziu em Portugal a percentagem de açúcares adicionados nas bebidas: 86,5% em Fanta Uva, 81,8% em Sprite, 43% em Aquarius Laranja, 42,9% em Nestea Limão, 42% em Fanta Laranja, 34,6% em Powerade, 30,2% em Aquarius, 17,0% em Nordic Mist Mixer Tónica Original e 6,1% em Nestea Manga e Ananás.

As bebidas sem ou com baixas calorias já representam 34% do total de vendas da Coca-Cola em Portugal, um número que vai ao encontro da procura do público por bebidas baixas em calorias, da consciencialização do consumidor para a redução de açúcares ingeridos e do esforço da Coca-Cola em oferecer o mesmo sabor com menos calorias.