O que significa dar prioridade ao crescimento sustentável na tomada de decisões das empresas? Bea Perez, vice-presidente de Assuntos Públicos, Comunicação e Sustentabilidade da Companhia Coca-Cola, acredita que as organizações devem pensar a longo-prazo – no caso da Coca-Cola, nos seus próximos 130 anos ou mais – em oposta à tendência habitual de curto prazo.

Esta é uma das principais ideias que Pérez lançou durante o seu discurso na conferência anual Business for Social Responsibility (BRS), realizada no início de novembro em Nova Iorque, sob o tema Um novo plano para os negócios. Segundo a responsável, o compromisso com a sustentabilidade está no coração do modelo de negócios da Companhia Coca-Cola. “Queremos que os nossos negócios e, mais importante, que o nosso mundo, prosperem.”

Benefícios mútuos

Num mundo em constante mudança, as empresas têm a opção de estabelecer relações que nutram benefícios para todas as partes.

Neste sentido, a Companhia Coca-Cola tem a sua experiência e influência para fazer uma diferença positiva nas comunidades em que atua. Assim, a Companhia está focada em oferecer aos consumidores as bebidas que desejam, de acordo com as suas necessidades e estilos de vida; em melhorar o acesso à água potável nos países pobres; recolher e reciclar o equivalente a cada garrafa ou lata que comercializa (um compromisso que faz parte da estratégia Um Mundo Sem Resíduos); ou no lançamento de programas como 5by20 para a capacitação económica das mulheres.

Nesta linha, os participantes da conferência BSR puderem experimentar a nova Freestyle 9100 Coca-Cola, uma inovadora máquina distribuidora que permite que as bebidas sejam personalizadas graças a uma infinidade de combinações através de um ecrã tátil.

A tecnologia Freestyle ajuda a reduzir o impacto ambiental das embalagens, já que as bebidas são apresentadas em copos ou podem até ser saboreadas em garrafas recarregáveis compatíveis com essas dispensadoras. Além disso, os cartuchos de ingredientes que albergam a máquina – que são misturados em tempo real para criar uma infinidade de opções – têm uma pegada de carbono menor do que as embalagens tradicionais de bebidas refrescantes. São fabricados numa instalação certificada LEED Gold com energia renovável e tecnologia para o uso eficiente da água, e possuem entre 15% e 30% de material reciclado

Coca-Cola Freestyle
A nova Freestyle 9100 Coca-Cola, na conferência BSR, em Nova Iorque. Oferece mais de 200 bebidas e mais de 100 opções de baixas calorias ou sem calorias.

Juntos somos melhor

Abordar os grandes problemas globais de sustentabilidade requerem grandes esforços globais. Devemos trabalhar juntos no setor público, ONG locais, concorrentes e críticos, para criar a sensibilização sobre a reciclagem que permitirá alcançar a solução. Desde a Global Plastic Action Partnership do Fórum Económico Mundial para a Recycling Alliance para a Indonesia Sustainable Environment, de que é parte a Companhia Coca-Cola, é importante unir as organizações para acelerar o trabalho da companhia neste sentido.

Hoje, como nunca antes tinha ocorrido, esperamos cada vez mais ações da parte das empresas e marcas. Desde os anúncios de Hilltop e Mean Joe Green que a Coca-Cola trabalha no sentido de colaborar com todas as partes para procurar soluções que tornam um mundo num lugar melhor. Porque juntos, somos melhor.

Este artigo é uma adaptação de um publicado em Coca-Cola Journey Global.