Estudo associou a diminuição da atividade física nos EUA ao aumento da obesidade
Realizado nos Estados Unidos em pessoas adultas desde 1988 até 2010, inclui dados derivados do Inquérito Nacional de Saúde e Nutrição (NHAMES) deste país.

Concluiu que a diminuição da atividade física estava associada ao aumento da prevalência da obesidade durante o período analisado, enquanto a ingestão calórica não registou alterações significativas. 

Ver comunicado de imprensa