Não há melhor sensação do que nos fazermos à estrada em direção ao próximo destino de verão. Tão incrível como essa excitação é a sensação de alívio após umas semanas de esforço herculano para tentar tornar esse momento uma realidade.

Preparares-te para estar fora do escritório por algum tempo não é fácil. Mas é essencial para conseguires desfrutar de alguns dias em que possas realmente “desligar” de tudo. Não admira que muitas pessoas não aproveitem os seus dias de férias – porque se não planeares bem, assim que chegares à parte das férias propriamente ditas vai-te parecer um desafio colossal.

Mas não tem de ser assim!

Se preparares o teu trabalho, vais poder atenuar a maioria do stress associado ao abandonar e ao voltar ao escritório. Aqui vão cinco estratégias-chave para ires de férias sem stress ou sentimento de culpa:

1. Comunica cedo e várias vezes à tua equipa que vais de férias

Por muito tentador que seja dares uma de Houdini e desaparecer durante uma semana sem chamar a atenção – já que as tuas férias já foram aprovadas e já estão assinaladas no calendário de equipa há meses –, todos sabemos que não é assim que as coisas funcionam. Tens de comunicar ainda mais cedo do que pensavas e tens de o fazer regularmente, tanto aos colegas como aos clientes.

A especialista em produtividade, Carson Tate, aconselha-te a seres bastante específico acerca do teu período de férias. “Em primeiro lugar, e o mais cedo possível, informa a tua equipa acerca dos teus planos – partida e chegada -, nomeadamente quando é que estarás fora do escritório e quando vais estar realmente offline”, diz. “Depois, bastantes dias antes da tua saída, informa as pessoas indicadas sobre o estado dos projetos que as impactam e os respetivos planos de contingência”. Desta forma, conseguirás dar a clareza que os teus colegas precisam, e terás permissão para te divertires enquanto estiveres fora.

2. Dá prioridade aos projetos que podem fazer sentir-te ansioso

Como alguém disse, se alguma coisa pode correr mal, então é porque VAI correr mal. E tu terás SEMPRE coisas para fazer. Mas quando se trata de férias, a dada altura vais ter de aceitar que algumas tarefas vão ficar por terminar, por muito que queiras o contrário. Tate sugere que identifiques três ou cinco projetos e/ou tarefas: “Foca-te apenas naquilo que tem de estar terminado obrigatoriamente, e não naquilo que ‘queres’ ou ‘gostavas’ de terminar”. Ao priorizares claramente o teu trabalho, saberás onde focar a tua energia e tempo antes de te ires embora.

3. Informa os teus contactos principais que vais estar fora e quem podem contactar na tua ausência

A comunicação acerca das férias não está limitada às pessoas dentro das quatro paredes do teu escritório. Os contactos-chave com quem trabalhas constantemente, tanto externa como internamente, são também importantes. E tu podes tirar partido destes pontos de contacto. “O verão é uma altura perfeita para lhes enviares um ‘olá’ a meio do ano e para os atualizares acerca do estado dos seus projetos, bem como acerca das pessoas que devem contactar enquanto estiveres fora.  Avisa-os quando vais estar contactável”, diz Carson Tate. Não há nada melhor que matar vários coelhos de uma cajadada só!

4. Não te mostres assim tããão disponível

As férias são a altura em que, supostamente, te podes desligar completamente. Mas, se não tiveres cuidado, pode tornar-se num momento verdadeiramente stressante. Tens de definir bem os limites de quando estás realmente fora do escritório. Assim não terás de trabalhar durante o teu período de férias. Contudo, se antecipas que não vais conseguir “desconectar” por completo, Tate sugere que designes algumas “horas laborais”. Nessa altura, a tua equipa e clientes saberão que estás a pôr-te a par do trabalho. “Sê claro e mantém a tua palavra. Assim, nas próximas férias, quem precisar de entrar em contacto contigo, vai respeitar o facto de tu fazeres aquilo a que te comprometes.”, diz a especialista em produtividade.

5. Cria uma lista de tarefas que precisas de fazer no primeiro dia de trabalho

Tudo aquilo que não conseguiste terminar antes de partires em viagem deve estar numa lista. Nessa mesma lista, devem estar definidos os passos que precisam de ser dados no dia que chegas ao escritório. Isto vai fazer com que o primeiro dia de regresso não seja tão “violento”, já que vais saber exatamente onde tens de depositar a tua atenção e energia.

“Antes de ires de férias, bloqueia a tua primeira manhã no escritório e, se possível, todo o primeiro dia, para que possas reunir, processar e organizar emails, devolver chamadas, conectar com os colegas e atualizares-te. Irás conseguir criar uma lista principal de cabeça fresca e com uma perspetiva pós-férias”, diz Tate.

Seguiste todos os passos? Então agora aproveitas as tuas férias… sem stress!