Beber água é um gesto tão natural no nosso dia-a-dia que nem paramos para pensar de onde vem este precioso líquido. Bem, com este artigo vamos ajudar-te e mostrar de onde vem a Aquabona e como chega até ti.

A Companhia Coca-Cola está presente na categoria de água mineral natural engarrafada desde o lançamento da Aquabona em 2002. Tal como acontece com as restantes marcas da Companhia, como parte do compromisso com a sustentabilidade do seu modelo de negócio, a captação e o engarrafamento de Aquabona respeita o meio ambiente.

Em primeiro lugar, a Aquabona é um produto criado pela própria natureza, resultado de um processo natural que começa quando a água da chuva ou a neve penetra lentamente através das rochas, formando fontes subterrâneas. Em alguns casos, a água sai naturalmente através das aberturas das montanhas, mas existem outras situações em que é necessária uma pequena intervenção. Nesta longa viagem através das montanhas, a água vai ganhando os minerais que, juntamente com outros fatores, contribuem para o seu caráter único.

Da natureza ao consumidor

A Aquabona nasce em quatro fontes naturais de água, Santolín (Burgos), Fuenmayor (Teruel), Peña Umbría (Valencia) e Fontoira (Lugo), cujas águas têm uma composição semelhantes: são de baixa mineralização e contêm um baixo teor de sódio.

Sendo uma fonte de água subterrânea, é protegida de contaminação, bacteriologicamente saudável e tem uma composição constante de minerais e outros elementos, o que dá propriedades benéficas para a saúde. A Aquabona é engarrafada diretamente da fonte, sem ser necessário fazer qualquer tipo de tratamento, de modo a que chegue ao consumidor com propriedades saudáveis intactas.

Cada uma das quatro fontes têm um perímetro de proteção, delimitado pelo Instituto Geológico e Mineiro de Espanha, para que não se realizem atividades que possam comprometer a qualidade da água. Além disso, para gerir racionalmente os recursos naturais – que são limitados – apenas é extraída a quantidade de água que a fonte é capaz de dar naturalmente, garantindo, assim a sua preservação.

Durante o processo de engarrafamento da Aquabona, é necessário utilizar água, embora nos últimos anos se tenha reduzido consideravelmente o seu consumo, assim como o de energia. E mais: a água utilizada durante o processo é reutilizada e devolvida ao ambiente, completando o ciclo da água e contribuindo para a saúde ecológica.

Além disso, todas as embalagens e os seus elementos (plástico, vidro, rótulos e tampas) são 100% recicláveis. Para a sua obtenção, cada vez se utiliza menos plástico e todos têm a certificação FSC, o que nos faz acreditar que se tem feito uma gestão sustentável das florestas.